MITOS E VERDADES...

March 18, 2017

SAI CARO CONTRATAR UM ARQUITETO?

 

 

A maioria das pessoas que pretende iniciar uma obra, começa a fazer contas a quanto poderá gastar. E, inevitavelmente, haverão cortes em muitas coisas por limitação de orçamento.

 

E ninguém gosta de sentir que o que pagou por algo, poderia ter sido mais barato, então o instinto de poupança é perfeitamente natural. E é muito comum os cortes acontecerem na fase inicial e na fase final da obra. Ou seja, na fase de contratar um arquiteto e iniciar um projeto, e na fase de acabamentos,

 

Mas é aqui que reside um erro crucial. Querer poupar eliminando a contratação de um arquiteto.

 

É algo bem comum, e advêm do fato da pessoa não entender a importância do papel do arquiteto no processo.

Fazendo um paralelo, seria como pensar em tratar uma cárie e poupar no dentista indo a um cirurgião-barbeiro. Ele vai lhe dar uma solução, vai. O dente vai deixar de doer, vai. Sabendo isso, você iria? 100% certeza que não. Porque você sabe que tem que ir no dentista, porque ele é o profissional indicado para cuidar de dentes. 

Voltando à construção, você pode pegar um engenheiro civil ou mestre de obra, que já constrói sem projeto e poupar o que ia pagar ao arquiteto. Beleza.

Vai ficar em pé? Sim.

Vai funcionar? Vai. ´

Vou ter qualidade espacial? Não. Porque o único profissional do mercado, com formação para projetar espaços é o arquiteto.

Vou ter problemas no decorrer da obra? Vai. Porque sem projeto não existe planeamento, e sem planeamento os problemas vão surgir durante a construção e mais dificilmente vão ser contornados, levando inevitavelmente ao descontrolo de custos e súbita poupança nos acabamentos ou até mesmo paragem da obra.

 

Tá, problema na obra não quero! Mas para que serve essa tal de qualidade espacial?

 

Aqui entra a parte do entendimento do que é a profissão do arquiteto e do que você necessita para construir, mas não sabe.

Porque o projeto em si, é o planejamento da ideia dos espaços, posto no papel. Registrado, para que outros possam entende-lo. Esse é o material entregue ao cliente, à obra, à prefeitura, etc. E é também a isso que muitas pessoas acabam resumindo o trabalho do arquiteto - desenhos. E, parece que, desenhos qualquer um pode fazer.

Mas o real papel do arquiteto não são os desenhos, mas sim a ideia. A forma como ele vai conceber os espaços, o edifício, a posição no terreno, etc. E parece simples, mas ele estudou pelo menos 5 anos para aprender a fazer isso, pois há muitos fatores que entram na balança e que o cliente leigo não tem noção. E como não tem noção, não dá valor.

Mas aposto que quando ele entra num espaço mal planejado, ele se sente ruim, apesar de muitas vezes não saber porquê! Por exemplo: uma família que passa a vida reclamando que a casa é fria. Mas porque é que é fria? Uma casa é um abrigo das intempéries. Isso inclui o frio. Unicamente por mau projeto ou falta de planejamento. 

 

Mas como posso poupar na sua contratação?

 

Existe uma calculo padrão para serviços de arquitetura regulado pelo conselho de arquitetura, que ao ser seguindo, deve gerar uma variante do custo do projeto mínima, de um profissional para outro.

No entanto, como em qualquer outra profissão, há vários fatores que acabam criando maiores discrepâncias, como os anos de experiência, o status do arquiteto, a especialização em determinados tipos de projetos, etc.

 

Por isso, mais importante do que procurar o arquiteto apenas pelo seu custo de serviço, o cliente deve focar a sua busca na seguinte questão: Qual arquiteto é ideal para o que pretendo construir? Pois se o arquiteto que escolheu não for indicado para o tipo de obra em questão, ele pode ter sido mais barato inicialmente, mas no final pode custar mais caro. 

Além disso, a pessoa deve sempre levar em consideração o que está incluso no orçamento do arquiteto.

Por exemplo: um arquiteto cobra 100 e não inclui compatibilização de projetos e outro cobra 150 mais inclui tudo. Das duas uma, ou você não vai fazer a compatibilização dos projetos e arriscar ter problemas durante a obra, ou vai contratar mais um profissional para a compatibilização, que provavelmente vai custar mais do que a diferença do custo inicial.

 

 

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

CONSTRUINDO SUA CASA: DICAS

June 13, 2016

1/1
Please reload

Posts Recentes

January 15, 2018

June 17, 2017

March 18, 2017

January 25, 2017

January 13, 2017

September 11, 2016

July 3, 2016

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Siga
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon

© 2020 arqclub

site criado por:  arqclub

ArqClub.Arquitetura Ltda ME

CNPJ: 27.465.372/0001-40